quinta-feira, 19 de maio de 2011

AS QUATRO GRANDES VISÕES DE ABRAÃO



Gn 13:14-17    
"E disse o Senhor a Abrão, depois que Ló se apartou dele: Levanta agora os teus olhos e olha desde o lugar onde estás, para a banda do norte, e do sul, e do oriente e do ocidente.     Porque esta terra que ves te hei de dar a ti e 'a tua semente, para sempre.    E farei a tua semente como o pó da terra;  de maneira que,  se alguémo  puder contar o pó da terra, também a tua semente será contada.   Levanta-te, percorre essa terra, no seu comprimento e na sua largura;  porque a ti a darei."

Introdução:

Antes de vos falar sobre as Quatro Grandes Visões de Abraão, gostaria de mencionar introdutóriamente Duas grandes Lições que aprendemos com Abraaão com respeito às Visões e Revelações que recebeu do Senhor:

1ª.) QUE A NOSSA VISÃO DETERMINA NOSSA AÇÃO

  •  O que é que fez Abraão deixar tudo: Cidade natal (Ur na Caldéia), conforto, terras de sua propriedade, status social naquela comunidade, parentela ???...
         Resposta: O PODER DE UMA VISÃO

  • A nossa Visão determina nossa Ação – Tanto é que, pessoas sem visão não vão a parte alguma.   Visão e Inércia jamais andam juntas.  Visão e preguiça nunca se acertam...

  • - Lm 3:51 (A.R.C.)  “O meu olho move a minha alma”
        .Me move em  2 sentidos:  por dentro  e me move me   mudando de posição ou condição. A visão de Deus nos tira da zona de conforto para os grandes desafios.

  • Tres coisas ocorreram com Abraão:
        Primeira:  A VISÃO IMPACTOU ABRAÃO
        Segunda:  A VISÃO INCOMODOU ABRAÃO
        Terceira:  A VISÃO MOVEU ABRAÃO

2ª.) QUE A NOSSA INTIMIDADE COM DEUS DETERMINA A NOSSA VISÃO

  •  Jesus nos ensina em seu Evangelho, que sem amizade com Ele, não existe Revelações,  não existem Visões, não existem mistérios e segredos sendo concedidos – Jo 15:16; Mt 11:25

  • Meus irmãos, como anda nosso nível de amizade, de intimidade com o Senhor ?  Quanto mais nos aproximamos do Senhor,  mais os nossos olhos se abrem.  Quanto mais nos afastamos mais os nossos olhos ficam entenebrecidos pela incredulidade

  • Sl 34:5;  Jr 33:3; Mt 11:25;   2 Co 2:9,10;   
- Jo 13:23   (ilustr: João, o mais amigo, por isso teve mais revelações - a exemplo temos o Apocalipse - Ap 4:1)

  • A Grandeza da Visão de Abraão procedia da Grandeza e profundidade da Amizade, da Intimidade que ele tinha com Deus -  Abraão é chamado na Bíblia por tres vezes: AMIGO DE DEUS:
- 2 Cr 20:7   “Abraão teu amigo para sempre
- Is 41:8    “Mas tu, ó Israel, servo meu,  tu Jacó,  a quem elegí,  semente de Abraão,  MEU AMIGO.”
- Tg 2:23  “E cumpriu-se a Escritura que diz:   E creu Abraão em Deus,  e foi-lhe isso imputado como justiça, e foi chamado  AMIGO DE DEUS.”

ü A Amizade de Abraão com Deus tinha 3 características:
1ª.) Progressividade Gn 17:1  “...anda na minha Presença e se perfeito.”
2ª.) Proximidade – Gn 17:1
3ª.) Profundidade – (isto é Intimidade) – Tão intimo de Deus, tão amigo de Deus que Deus lhe deu Grandes Visões.

ü É digno de nota lembrar que no texto Hebraico – Amizade e Segredo – possuem uma única palavra.  Isto é: Amizade é Segredo,  Segredo é Amizade. – Sl 25:14

ü Veja que extraordinário: Como a nossa Intimidade com Deus determina a nossa Visão. Tanto é,   que o Senhor pergunta em
         Genesis 18:17   “Ocultarei Eu a Abraão o que faço ?”

ü Vamos agora para AS QUATRO GRANDES VISÕES DE ABRAÃO

I.                 A VISÃO DA CIDADE CELESTIAL

1.   Quem pensa que Abraão saiu de Ur dos Caldeus, somente pela visão da Terra de Canaã, engana-se.  Seus olhos estavam além da Terra.   Seus olhos viram a Nova Jerusalém – Hb 11:10,11

2.    Não tenho dúvidas que Abraão antecedeu a Paulo e a João – quanto a Visão da Cidade Celestial.

3.    O que viu Abraão viu da Cidade Celestial ?   (comente...)

4.    Aprendamos com Abraaão a viver na Terra com os olhos no Céu.   Abraão vivia em tendas – De dentro da tenda via a Cidade...Tem muito crente na cidade, que só ve a tenda (visão curta, visão terrena apenas) – Fp 3:20



II.              A VISÃO DO CALVÁRIO

1.   Ilustr:   A conversa intima de Deus com Abraão – Deus Abre o Projeto da Redenção...De imediato a mente finita de Abraão na compreende, quando Deus lhe diz que vai dar o seu Filho Unigenito para salvar o homem - Certamente o patriarca, em sua mente finita deve ter indagado: Deus tem um filho??? Mas, como é isto?   E, Ele me diz que dará seu Único Filho....Mas, como isto será possível???     Então Deus diz a Abraão: -Toma teu filho, teu único filho Isaque, e sobe o monte Moriá – Gn 22 - E lá do alto do Monte Moriá - Deus lhe revela o plano da Redenção.

2.     E,  Jesus declara em João  8:56   “Abraão vosso Pai, exultou por ver o meu dia,  e viu-o,  e alegrou-se.”

3.     Assim como Abraão,  Deus quer que nunca venhamos a perder a Visão do Calvário.  

4.     A Igreja jamais pode perder a Visão do Calvário.   Penso que a Igreja Evangélica de nossos dias, encontra-se perdida em algum lugar entre o Calvário e o Pentecóste.

5.     Nós pregadores não podemos perder o Calvário de Vista.         
a)    Hoje temos um número expressivo de pregadores, mas, poucos Arautos da Cruz.  Temos hoje povoando muitos púlpitos: -Pregadores do pragmatismo – Que não se preocupam em pregar o que é certo...Mas, o que dá certo.   
Pregadores do misticismo – verdadeiros pajés evangélicos

b)   Se em teu Sermonário não há lugar para o Sermão do Calvário,   jogue teu sermonário fora.     
    Diz o Hino 192 de nossa Harpa Cristã – “Tema do bom pregador, O Calvário!”

c)    O pregador do Calvário tem 3 características: Ele é:
         Bíblico, Evangélico e Profético.

6.   Que nossa Família, que nossa Casa esteja edificada no Calvário
a)    Há um Hino no Hinário Batista (Cantor Cristão), que diz: “A Cruz ainda firme está,  Aleluia! Aleluia!”


III.          A VISÃO DA TERRA

1.    Deus mostra toda a Terra Prometida a Abraão – A Visão da Terra representa a Visão dos Campos que já estão brancos para a Ceifa – Jo 4:35

2.     Deus só mostrou a terra, depois de Abraão ter se separado radicalmente de Ló -  Gn 13:14    “E disse o Senhor a Abrão, depois que Ló se apartou dele:    Levanta, agora os teus olhos...”

Duas observaçoes:
1ª.) Ló fala daquilo que desagrada a Deus – (Vai Ló...)
2ª.) Ló representa o crente de visão carnal – Gn 13:10-12
- Enquanto voce viver com pessoas carnais, de visão carnal, voce nunca verá os campos brancos para a ceifa.

3.   Nunca queira ter a Visão das Nações,dos confins da Terra, sem antes primeiro ter a visão de onde voce vive
Gn 13:14   “Levanta agora os teus olhos, e olha desde o lugar onde estás”     (Deus fala depois: Olha para o norte. Olha para sul.  Olha para Oriente.   Olha para o Ocidente.)

a)    O mesmo Deus que nos diz: Sl 96:3   “Anunciai entre as nações a sua Glória e entre todos os povos, as suas maravilhas”
Sl 2:8  “Pede-me, e Eu te darei as nações por herança e os confins da Terra por tua possessão.”
Também diz:  At 1:8   “...E ser-me-eis testemunhas, tanto em Jerusalém...”    (Jerusalém,  nossa casa, nossa vizinhança,  nosso bairro,  nossa cidade...)

4.    Que a Visão de nossa terra – Nos leve aos hospitais e casas de detenção.   ‘As Escolas públicas e privadas.    ‘As grandes e pequenas empresas.  Aos veículos de imprensa escrita, falada e televisiva.     E também pela net.      Que possamos empreender amor e todo esforço para não descansarmos, até alcançarmos a última casa de nossa, bairro e cidade.    Que Deus nos ajude!

IV.          A VISÃO DE GERADOR DE MUITOS FILHOS

1.     Lemos em   Genesis 15:4,5      “E eis que veio a Palavra do Senhor a ele dizendo:   Este não será o teu herdeiro;   mas aquele que de ti será gerado,  esse será o teu herdeiro.
Então o levou para fora e disse:   Olha agora para os céus e conta as estrelas ,  se as podes contar.    E disse-lhe: Assim será a tua semente.”

2.     Em Gn 13:16Ele promete a Abraão que sua descendencia seria tão grande como o pó da terra.    “E farei a tua semente como o pó da terra; de maneira  que, se alguém puder  contar o pó da terra,  também a tua semente será contada.”
Mas, aqui em Genesis 15:5 – Deus compara com as estrelas do Céu.                     (Tudo para falar dos incontáveis filhos que saíriam a parte de Abraão)

3.    Quando é que nós Assembléia de Deus começamos a decrescer ?    Quando começamos a perder a Visão de gerar filhos para Deus.
De 1911 a 1930 – Cada crente ganhava por ano, mais 12

4.    Gn 35:1 – Se não gerarmos filhos, morremos
- Paulo era um gerador de filhos espirituais – Gl 4:17
-John Knox, missionário na Escócia -  “Dá-me a Escócia Deus, ou eu morrerei!”

5.     Is 51:2   “Olhai para Abraão, vosso pai, e para Sara, que vos deu ‘a luz.  Porque sendo ele só, eu o chamei, e o abençoei, e o multipliquei.”

Is 54:1-3   “Canta alegremente, ó esteril que não deste ‘a Luz!   Exulta de prazer com alegre canto e exclama,  tu que não tiveste dores de parto!    Porque mais são os filhos da solitária do que os filhos da casada,  diz o Senhor.            Amplia o lugar da tua tenda, e as cortinas das tuas habitações se estendam.   Não o impeças;   alonga as tuas cordas e firma bem as tuas estacas.       Porque transbordarás ‘a mão direita e ‘a esquerda;   e a tua posteridade possuirá as nações e fará que sejam habitadas as cidades assoladas.”

Conclusão:

Igreja do Senhor,  Deus está aqui para abrir os nossos olhos e nos dar estas Grandes Visões que deu a Abraão – E, nos fará ver nestas quatro direções:

1ª.)  Olhos voltados para cima –para nossa Cidade
2ª.)  Olhos fixos no Calvário – nosso fundamento de Fé
3ª.)  Olhos de compaixão sobre a Terra – Avançando no Evangelismo e Missões
4ª.)  Olhos de gerador de filhos espirituais.

Pastor Marcos Antonio da Silva
Sermáo pregado na Assembléia de Deus em Colombo, Paraná
Por ocasião do Congresso de Missões
Em 17 de maio  de 2001

Nenhum comentário: