sexta-feira, 28 de agosto de 2009

O LEGADO DE JOSÉ PIMENTEL DE CARVALHO



Costumo dizer que por bondade de Deus, como muitos obreiros, trago em meu ministério as impressões digitais do querido pastor José Pimentel de Carvalho.
Este veterano soldado das milicias do Senhor, hoje com seus 93 anos, será sempre para todos nós, referencial de liderança, humildade, sinceridade e espiritualidade.
Por certo, pastor Pimentel está inserido no preito de reconhecimento aos príncipes de Deus, feito por Daví no Salmo 16:3 "Digo aos santos que estão na terra e aos ilustres em quem está todo o meu prazer.".
Preciosa é a herança deixada por este peregrino do Senhor nesta terra - suas pisadas, seu exemplo de verdadeiro homem de Deus.
Dentre muitas lições aprendidas deste baluarte, destaco algumas:

1. SEMPRE AGIR DE BOA FÉ

Sei que faço coro com milhares de servos de Deus, que pastor José Pimentel de Carvalho, em toda situação sempre procurou agir de boa fé. Não foram poucas as vezes, que lhe vi sofrer para que a Igreja não sofresse. Lembro-me que certo dia, ele me disse:
- Marcos, se for para a Igreja sofrer que soframos nós pastores.
Não foram poucas as vezes que lhe vi atendendo irmãos em geral e obreiros, que lhe traziam os mais diversos problemas e necessidades. Por um instante, ele parava para pensar e pedir ao Senhor uma resposta que viesse a ajudar aquela pessoa. Sempre agindo de boa fé, nunca pensando em si mesmo, nunca tirando proveito da situação para prejudicar e causar dano, mas sempre agindo com amor cristão e sinceridade.

2. SEMPRE FIEL AO CHAMADO DO SENHOR PARA A OBRA DO MINISTÉRIO

Quando o Senhor me chamou para o santo Ministério, Ele me deu um sonho. Naquela altura era militar da Força Aérea Brasileira (25 anos atrás); o sonho foi impactante e significativo: Estava eu em minha unidade militar, quando pastor Pimentel chegou até mim e com um aceno disse-me uma única palavra:
- Vem!
Acordei muito impressionado com aquele sonho. Não muitos dias depois, estando de férias, fui ao Rio de Janeiro (era julho de 1986), fui ministrar na Assembléia de Deus em Rocha Miranda. Ao término daquele culto abençoado, aproximou-se de mim um irmão (João Batista Brito, funcionário da CPAD, que acessorava o pastor Geremias do Couto). Este irmão, tocado pelo Espírito de Deus, profetizou para mim:
- Conta 7 dias, ao término destes dias, o teu pastor lhe chamará para um grande obra, aceite pois vem do Senhor!
Regressei a Curitiba, quando os 7 dias se completaram, recebo a palavra de convite do pastor Pimentel:
- Marcos, é tempo de deixar a vida militar e dar todo seu tempo para o Senhor e sua Obra!
E, assim abraçamos esta Causa Santa.
Lembro-me que ao me convidar, perguntou-me:
- Quanto voce ganha como militar...
- 2 mil cruzeiros. Ele voltou para mim e reiterou:
- Voce sabe que a Igreja não pode te dar isto, mas se voce cre que o Deus que te chamou, Ele te sustentará e cuidará de tua casa.
Aquelas palavras foram decisivas para me consolar e me encorajar trinta dias depois, quando recebia do tesoureiro da igreja, 300 cruzeiros.
Já se passam 25 anos, e até aqui carrego dentro de meu ser, a palavra profética de meu querido pastor.
Não posso me esquecer de um dia, quando ainda obreiro bem jovem, ele colocou sua mão em meu ombro e aconselhou-me:
- Marcos, nunca seja um assaltante de igrejas, destes usurpadores, que estão no ministério por torpe ganancia. Faça a Obra por amor, e o Senhor cuidará de voce.

3. SEMPRE CONSCIENTE DE NOSSA PRESTAÇÃO DE CONTAS COM QUEM NOS CHAMOU

Certo dia em um grande culto festivo, assentado ao seu lado como seu co-pastor, pastor Pimentel tocou profundamente meu coração. Aquele momento, sem dúvida, valeu mais que muitos anos de catedra teológica para mim.
Notei que seu olhar contemplativo e sereno passava lentamente por toda aquela multidão que ocupava ao templo naquela noite. Notei que uma lágrima desceu em seu rosto... Me voltei para ele e perguntei:
- Está tudo bem com o senhor...
Ele com palavras cheias de amor disse-me:
- Marcos, nós vamos dar conta desta gente ao Senhor...

Ao concluir esta pequena postagem, deixo aos pés do Senhor como se flores fossem, a minha gratidão a Deus pelo privilégio de ter nascido e de ter sido formado sob o cajado deste homem de Deus.

Com alegria no Senhor,
Pastor Marcos Antonio

Nenhum comentário: